AIClass and vacations

One of my side projects for these last months was to enroll on the online Introduction to AI class, with Peter Norvig and Sebastian Thrun, professors at Stanford. Through it I also learned about the Kahn Academy. I must say that getting to know these efforts made me feel similar to when I found Free Software: it’s hard to believe that such great things exist!

I learned some really cool stuff, and was also introduced to the amazing work of Sebastian Thrun with self-driving cars, it was an awesome experience! Last weekend I took the final exam, and today I got the certificate of accomplishment. It was delivered as a signed PDF which can be checked with a certificate they provided, pretty neat. I’m very happy, and motivated to enroll on more such courses in the future =). Now it’s time to cool down, though. My vacations start today, and on the weekend I’ll travel to the sunny Fortaleza, in northeastern Brazil, to enjoy some nice beaches and get some tan. See you next year!

Statement of Accomplishment - AIClass 2011
Statement of Accomplishment - AIClass 2011

Mais uma (semi-)boa notícia

Atualizado 3: eu testei o Linux Educacional versão 1.0; a instalação é a de um Debian normal, e o desktop normal é um KDE normal; o sistema conta com APT e tudo mais; por mais que eu ache a interface ruim, os menus desorganizados e as opções estranhas e complicadas, não me pareceu que os problemas que foram citados anteriormente vêm da customização do sistema, e sim da forma como ele foi instalado, nesse caso.

Pelo que li no Planet KDE hoje, escolas públicas ganharam de novo laboratórios de computadores, mas dessa vez com GNU/Linux. Uma ótima notícia, e uma ótima idéia, mas também me parece mais um caso de boas intenções com péssima qualidade técnica por trás. Citação do que foi dito pela entrevistada do post original:

about the machines: to be fair, this was not so nice… the machines are a modification of Debian linux, named Educacional Linux ( linux for education), running 2.6.18 kernel and KDE 3.5.5, the /etc/apt/sources.lst was empty, and the aptitude and apt commands removed. I don’t know why the government did that, since the hability to upgarde is good in any system. But it’s really great to see that the government is doing what they promissed: digital inclusion in every school.

Muito bacana, né? Tem toda a cara de ser uma distribuição capada, customizada de um jeito tosco e com a habilidade de ser mantida corrompida pela brilhante idéia que os criadores dela tiveram. Fazem sucesso por aqui idéias desse tipo. Parece que alguns dos desenvolvedores do KDE acharam muito bacana a notícia e estão tentando se aproximar para dar um apoio maior, e integrar novidades do KDE4. Quem sabe eles não ajudam a dar um mínimo de sanidade técnica ao projeto? Dou a maior força!

Atualizado: o Maurício apontou em um comentário que eu fui precipitado em dizer que a distribuição é customizada de um jeito tosco; como eu de fato não olhei a distribuição de perto ainda, preferi dizer somente que a informação me leva a crer que ela seja. Eu vou sinceramente adorar se alguém me provar que eu estou errado.

Atualizado 2: o projeto aparentemente não disponibiliza fontes; somente ISOs dos binários. Isso é cartão amarelo se houver algum software GPL no CD (já que tem Linux, pelo menos 1 tem =D).

Mais uma outra coisa que eu acho que merece destaque: diferentemente de outras ações de ‘computadores na escola’ que aconteceram no passado, essa iniciativa parece ser bem estruturada. Eles têm um fórum que parece bastante ativo, inclusive.

Eu vou ao FISL… Debian e devaneios sobre educação

Eu não ia. Tinha resolvido que era melhor focar somente no evento de Maio, no Amazonas, em que vou falar de Debian e TurboGears e na Debconf, para a qual já comprei passagem e estou pleiteando financiamento, inclusive.

Mas aí fiquei sabendo pelo meu chefe que o MDS, onde eu trabalho hoje em dia, vai patrocinar o evento e que terá direito a uma palestra, e fui escalado junto com a Fabiana, desenvolvedora PHP que cordena a equipe de desenvolvimento do Ministério.

A apresentação é sobre um assunto interessante e tem bastante resposta pra ‘show us the code’, embora, como todas as iniciativas de governo que existem, seja bastante ‘marginal’, não indo tão a fundo no conceito do software livre, sendo mais usuário que produtor.

Então poderemos nos ver por POA no FISL! No campo Debian, estou ansioso pela saída da Etch, e pela Debconf. Minha vida debiânica tem sido basicamente manter os pacotes do gksu e TG redondinhos e com traduções atualizadas para a Etch, mas minha cabeça já está borbulhando com idéias para a próxima era do gksu; vou detalhá-las mais aqui em outra ocasião.

Outra coisa que tem estado bastante na minha cabeça é Educação; não é novidade pra quem me conhece que eu sempre pensei muito sobre como aprender e como a educação deveria ser. Postei várias vezes nos meus antigos blogs sobre isso. Por diversas razões tenho pensado muito nisso nos últimos tempos. A idéia principal que gira na minha cabeça ultimamente é que talvez fosse muito melhor se a educação fosse focada em habilidades, ao invés de ser focada em conhecimento.

Por que não ensinar as pessoas a entender e resolver problemas, ao invés de fazê-las decorar métodos de resolução de equações de segundo grau, por exemplo? Não seria mais útil ensinar interpretação de textos de verdade ao invés de obrigar pessoas a decorarem regras de gramática? Estive pensando bem e acho que a única habilidade que nós realmente praticamos durante nossa vida escolar é a de memorizar; bastante alinhada com a realidade que conhecemos na vida profissional, se você pensar bem… de que tipo de habilidade você precisa para fazer certificações e concursos, afinal? =)